O outono e o inverno podem motivar viagens e reuniões em ambientes fechados com familiares e amigos. Estas orientações podem ajudar a protegermos uns aos outros contra a COVID-19.

Encontre respostas para as suas perguntas sobre vacinas

Obter respostas sobre a vacina

Se tiver dúvidas sobre a vacina, é importante obter respostas para as suas perguntas. Aqui, você encontra respostas sobre segurança, como a vacina funciona e quando e onde se vacinar.

Vacina contra COVID-19
Para pais, mães e famílias

Segura e eficiente

Are the COVID-19 vaccines safe?

Yes. The COVID-19 vaccines that are being given in Oregon are safe. The vaccines have been tested with thousands of people around the world. Black, Indigenous, Latino/a, Asian American, Pacific Islander and people of color have chosen to be part of these research studies to make sure the vaccines are safe for their communities. These tests have shown that all of the vaccines are safe, and they work to protect people from getting sick with COVID-19.

How do the vaccines work?

Like all vaccines, the COVID-19 vaccine teaches your body to fight the virus and protect you from getting sick. The vaccine is given as a shot to the upper arm. For some kinds of the vaccine, you will need to get more than one shot. Your second shot will be 3 or 4 weeks after your first. If you get this type of vaccine, it is important for you to get both shots for the vaccine to work.

Can I get COVID-19 from the vaccine?

No, you cannot get COVID-19 from the vaccine.

What is the difference between the different COVID-19 vaccines that are available?

Several manufacturers have produced safe and effective FDA-authorized vaccines. All of the vaccines have been and continue to be tested for safety, and all of them are proven to be very effective at preventing severe illness and hospitalizations.

None of the vaccines contain live COVID-19 virus, so you can’t get COVID-19 from the vaccines.

More information about the different vaccines is available on the CDC website in English, Spanish, Korean, Vietnamese and Simplified Chinese.

Learn more from the Oregon Health Authority

Devo tomar a dose de reforço da vacina?

O CDC recomenda que todas as pessoas com 5 anos ou mais tomem uma dose de reforço, incluindo as pessoas que estão imunocomprometidas e receberam uma dose adicional. As três vacinas estão disponíveis e os especialistas em saúde recomendam enfaticamente:

  • Todos com 5 anos ou mais que tomaram a vacina da Pfizer devem tomar uma dose de reforço cinco meses depois da segunda dose.

  • Pessoas com 50 anos ou mais que tomaram a vacina da Pfizer devem tomar a segunda dose de reforço quatro meses depois da primeira dose.

  • Pessoas com 18 anos ou mais que tomaram a vacina da Moderna devem tomar uma dose de reforço cinco meses depois da segunda dose.

  • Pessoas com 50 anos ou mais que tomaram a vacina da Moderna devem tomar a segunda dose de reforço quatro meses depois da primeira dose.

  • Pessoas com 18 anos ou mais que tomaram a vacina da Johnson & Johnson devem tomar a dose de reforço dois meses depois da primeira dose. Uma vacina mRNA – Pfizer ou Moderna – é preferível, na maioria dos casos*.)

  • Pessoas com 50 anos ou mais que tomaram a vacina da Johnson & Johnson devem tomar a segunda dose de reforço quatro meses depois da primeira dose. O segundo reforço deve ser uma vacina contra COVID-19 mRNA (Pfizer ou Moderna).

  • As pessoas que estão imunocomprometidas devem tomar a dose de reforço pelo menos três meses depois da última dose, conversar com seu médico sobre seus problemas de saúde e revisar as recomendações de uma dose adicional e de reforço fornecidas pela Oregon Health Authority ou o CDC.

*Embora a preferência seja pelas vacinas mRNA para a primeira dose de reforço, a vacina da Johnson & Johnson contra COVID-19 pode ser considerada em algumas situações.

Qualquer pessoa com 18 anos ou mais pode escolher tomar a dose de reforço da Pfizer, Moderna ou Johnson & Johnson. A vacina de reforço não precisa ser do mesmo laboratório que a primeira, mas as vacinas da Pfizer ou da Moderna são preferíveis.


Está procurando a vacina ou a dose de reforço contra COVID-19? Localize os locais de vacinação e receba mais informações da Autoridade de Saúde do Oregon (Oregon Health Authority).

Gratuita para todos

Quem se qualifica para cada vacina?

Adultos com 18 anos ou mais:

  • Pfizer

  • Moderna

  • Johnson & Johnson

Crianças e adolescentes de 6 meses a 17 anos:

  • Pfizer

Crianças de 6 meses a5 anos:

  • Moderna

I’m pregnant or may become pregnant. Can I get a COVID-19 vaccine?

Yes, the COVID-19 vaccines are safe even if you are pregnant, breastfeeding, trying to get pregnant, or might become pregnant in the future. There is no evidence that COVID-19 vaccines will cause problems with pregnancy or the ability to become pregnant. Consult with your doctor if you have questions about the COVID-19 vaccine and pregnancy.

If you are pregnant, have recently given birth or might become pregnant in the future, COVID-19 vaccines help prevent serious illness, death and complications during pregnancy.

Do I have to pay for the vaccine?

No, the vaccine is free for everyone, even if you don’t have health insurance.

Do I have to be a U.S. citizen to get the vaccine?

Everyone can get the COVID-19 vaccine, no matter your immigration status. You may be asked for information such as your name and phone number when you get the vaccine, but that information is private and won’t be shared with anyone. It is important for everyone who lives in Oregon to get the vaccine.

O que esperar

Elas causam efeitos colaterais?

Depois de receber a vacina, é possível que você sinta alguns sintomas colaterais, como febre, dor no braço ou cansaço. Isso é normal e significa que a vacina está tendo efeito e reforçando sua resposta imunológica, para que o corpo lute contra o vírus. Os efeitos colaterais desaparecem em poucos dias. Aplique uma compressa fria, beba bastante água e repouse. Analgésicos vendidos sem receita médica, como Advil e Tylenol também podem ajudar.

Efeitos colaterais:

  • Dor no braço

  • Cansaço

  • Dor de cabeça, febre, calafrios

  • Dores musculares, dores no corpo

  • Dificuldade para respirar

O que fazer:

  • Aplique compressa de gelo.

  • Repouse, quando necessário.

  • Repouse, tome um analgésico. Se tiver febre de 39 ⁰C (102 ⁰F) ou mais, ligue para o médico.

  • Tome um analgésico. Aplique compressa quente ou fria.

  • Ligue para o 911.

O que acontece depois que eu tomar a vacina?

Mesmo depois de tomar a vacina você pode transmitir a COVID-19. Por isso, continue observando as medidas de segurança para proteger a si mesmo e aos seus entes queridos:

  • Use uma máscara ou cobertura facial onde for obrigatório ou recomendado

  • Mantenha-se afastado das pessoas se estiver doente

  • Lave as mãos frequentemente

  • Tente manter 2 metros (6 pés) de distância das pessoas que não moram com você

  • Evite multidões

  • Faça reuniões com pouca gente e ao ar livre, se possível

  • Quando estiver em lugares fechados, para aumentar a circulação de ar abra uma janela ou ligue um ventilador

O que é “imunidade de rebanho”?

Você ouvirá as pessoas falando sobre “imunidade coletiva” ou "imunidade de rebanho”. Quando você recebe a vacina contra COVID-19, seu corpo aprende a lutar contra o vírus. Isso é chamado “imunidade”. A imunidade coletiva ocorre quando um número suficiente de pessoas recebe a vacina para deter a transmissão do vírus e assim proteger a comunidade toda. Até então, ainda o mais seguro é seguir as diretrizes sobre uso de máscara quando for obrigatório ou recomendado reunir-se em grupos pequenos depois de tomar a vacina, para proteger toda a comunidade.

Quais são as variantes?

Com o passar do tempo, todos os vírus sofrem mutação, mudam e, às vezes, criam versões mais resistentes e nocivas. Outras vezes, ficam menos nocivos, mas talvez mais contagiosos. Não importa o tipo, as mutações são chamadas de “variantes” do vírus. Delta e Ômicron são exemplos das variantes de COVID-19 disseminadas em todo mundo.

Cientistas estão sempre atentos para novas variantes do coronavírus. Eles usam um processo chamado sequenciamento genético para identificá-las, por meio de amostras de testes positivos de COVID-19 ou de amostras de água de esgoto coletadas em estações de tratamento de esgoto no estado de Oregon. O monitoramento do esgoto é especialmente eficiente para identificar variantes porque ele não depende de pessoas sentirem sintomas ou de resultados positivos do teste para COVID-19. Ele depende somente do que está nas águas residuais, e sabemos que partículas do vírus da COVID-19 vivem em fezes e urina. O monitoramento de esgoto também nos informa onde as variantes estão circulando dentro do estado.

Ao rastrear as variantes dessas formas, os especialistas em saúde pública podem aprender e fornecer as seguintes informações sobre cada variante:

  • Nível do contágio

  • Gravidade da doença COVID-19 que a variante causa

  • Eficácia da vacina e do reforço

  • Eficácia dos tratamentos contra COVID-19

Para obter informações sobre as variantes da COVID-19 que circulam em Oregon, acesse o painel de variantes da COVID-19 da Oregon Health Authority, atualizado semanalmente. Para obter informações sobre variantes em todo o país, acesse o site do Centers for Disease Control and Prevention (CDC), que mostra um rastreador dos dados de variantes.

As vacinas e as doses de reforço continuam sendo nossa melhor proteção contra infeção, transmissão e doença grave causadas pela COVID-19. Outras precauções, como o uso de máscara quando estiver com outras pessoas e o distanciamento social podem ser apropriados em algumas situações.